Se decidires entrar na vida de alguém...

Se decidires entrar na vida de alguém, pense bem: Não é coisa pouca.
Conquistar um lugar no coração requer paciência, dedicação e coragem.

Coragem de se expor, se comprometer, se doar. Dar o seu melhor e algumas vezes deixar vir à tona o pior. Sem medo. A verdade liberta.

Dedicação para plantar a semente e ir regando dia após dia. Não se precipitar. Saber contemplar cada fase e admirar cada nova conquista.

Paciência! Nem sempre a casa está em ordem. Outras vezes é preciso faxinar. Tirar o mofo, a poeira, sair das “zonas de conforto” para encontrar o melhor lugar para abrigar o novo.

Ah... Essa dança da vida, um eterno equilíbrio entre escolhas e consequências, que pode virar seu mundo de ponta de cabeça.

Então... Se decidires entrar na vida de alguém, pense bem. Muito bem!

Devoção é Amizade

"Aquele que se interessa pela salvação de uma alma, 
tem fundadas esperanças de salvar a própria" 
Dom Bosco



Devoção pra mim está diretamente ligada a amizade. Tenho conversado tanto com Dom Bosco esses dias. E ele fala muito comigo, através da sua vida, seus escritos, sua obra, seus filhos...

Agosto é seu mês, e deixo um desafio pra você: conheça esse meu amigo, ele vai te surpreender. 

Na minha página, você pode encontrar a novena que fiz durante esse mês de Agosto, o Mês de Dom Bosco, para conhecer um pouco da sua vida, seus escritos e partilhas da vida.


Obrigada Dom Bosco por essa amizade tão presente e próxima...


Backstage PHN 2017

Há alguns anos eu tenho a alegria de participar do PHN. É um presente, mas também uma enorme responsabilidade. Cantar que eu "vou confiar" fala muito da minha vida, da minha história e de como escolhi viver os meus dias: confiando, esperando e cantando. 

Deus sabe o que é melhor sempre! 

Obrigada Deus por me escolher, Dunga PHNpor me motivar... 
Obrigada Diego Faria pelo lindo trabalho.



Segredinhos para ensaiar e estudar Canto Coral - Dicas da Tici

Em minhas pesquisas e leituras encontrei essas 15 dias muito preciosas, práticas e simples que contribuem muito para todo tipo de coro. Esse é o tema do Dicas da Tici dessa semana! 



O SONHO DE TODO REGENTE 
Por Patricia Costa

1. Frequência: é fundamental! Faltar ao ensaio faz com que você se distancie de todo o processo, além de desfalcar seu naipe. Somos muitos, mas cada voz é muito importante! Portanto, faça o possível para estar sempre presente.

2. Pontualidade: também é fundamental! Procuramos ensaiar com a carga mínima necessária para que nosso trabalho aconteça. Calcule seus horários para que você não perca os preciosos minutos de nossos ensaios.

3. Pasta para arquivar as partituras: você deve trazê-la para TODOS os ensaios, mesmo quando já sabe uma música de cor. Muitas vezes, faremos modificações significativas e, convenhamos, se o regente disser “vamos pegar do compasso 20, segundo tempo” você, provavelmente não saberá do que se trata se não estiver com a partitura na sua frente.

4. Partituras: ainda nesse assunto, lembre-se que quando cantamos com a partitura na nossa frente, podemos usá-la como recurso de ricochete de voz, fazendo com que nos ouçamos melhor durante o ensaio. Portanto, dividir a partitura com o colega, além de ser mais dispersivo, nos priva desta facilidade.

5. Lapiseira: é elemento essencial de nossos ensaios. Tudo deve ser anotado, para que não percamos tempo repetindo o que já foi dito, corrigido ou modificado. Há marcações valiosas como respiração, alteração e/ou correção de uma determinada nota, passagens complicadas que precisam ser enfatizadas, pronúncia de língua estrangeira, etc. O que não for anotado poderá ficar esquecido e terá que ser relembrado, gerando pouca produtividade no ensaio.

6. Postura: por mais cansados que estejamos, existe uma postura comprovadamente importante para cantarmos bem. Isso deve ser respeitado, sem que o regente precise chamar a atenção o tempo todo.

7. Nota de início: muitas vezes nos acostumamos a não saber a nota com a qual vamos atacar um trecho e ficamos esperando os colegas de naipe começarem. Isso gera um efeito horrível, pois se muitos do coro partirem deste princípio teremos um grupo que só acerta a partir da segunda nota!

8. Concentração: por mais irresistível que seja, devemos sempre deixar a conversa para o intervalo ou para depois do ensaio. Estar concentrado no trabalho desde o aquecimento é a certeza de um ensaio fluente e proveitoso, o que sem dúvida, acarretará em muito prazer!

9. Comentários: sempre que o regente corta um trecho, é porque deve ter algo a dizer! Portanto, espere o comentário dele, ao invés de sair trocando “ideia” com o colega do lado!

10. Comunicação: caso precise faltar, comunique-se com algum deles, avisando previamente do desfalque. Caso isso não seja possível, entre em contato com um dos colegas para saber o que ensaiamos, para que você não se sinta “boiando” no ensaio seguinte.

11. Rouquidão: recomendamos que o coralista que está rouco – salvo quando sente mal estar – participe do ensaio, sem cantar. É uma forma de não perder o contato com o que estamos trabalhando e com certeza poupará trabalho quando ele voltar a cantar. E não se esqueça de deixar seu regente ou preparador vocal sempre a par do seu desempenho; qualquer desconforto, dor, cansaço vocal, rouquidão, irritação, etc., deverá ser comunicado imediatamente!

12. Gravador: não há nada de errado em levarmos um gravador para os ensaios. Muito pelo contrário, isso facilita bastante àqueles que não sabem ler partitura, além de possibilitar a escuta das músicas gravadas, enquanto executamos outras tarefas do dia-a-dia. Bem, essa lista vale para todos os coros! Não há ordem de importância; cada tópico listado servirá para que a atividade coral seja algo muito mais prazeroso para todos!

13. Treino individual: quando o regente estiver passando um naipe, otimize seu tempo e cante mentalmente a sua linha. Esse é um difícil exercício e só a tentativa já o deixará mais seguro quando for a hora de cantar de verdade! Experimente!

14. Lubrificação: beber água durante os ensaios pode ser muito valioso para a proteção das cordas vocais. Procure trazer uma garrafinha (para evitar sair do seu lugar) e encha com água em temperatura ambiente.

15. Caixinha: se foi estipulada uma caixinha, não faz sentido alguns alunos pagarem e outros não, fora os casos justificados previamente. Portanto, por menor que pareça ser a quantia, esteja em dia com seu grupo!